Ocorreu um erro neste dispositivo

5.4.08

Rememorando as emoções de uma viagem

Sinto-me uma águia que esvoaça sobre o Jardim do Éden, olhando atentamente a Vida na sua luminosidade e exuberância, e percebendo que, mesmo nesse jardim, o mundo não é plano. E que é essa variabilidade e pluralidade dos materais e das formas que fazem dele o Lugar do Encantamento e do Maravilhamento cósmico.
É sempre possível ir mais além, e mesmo que um faça sombra ao outro, a Luz existe e é reconquistada por ambos. Só o azul do céu é o limite.
Nunca gostei de uma visão monológica ou unidimensional: se o granito e a pedra, que o Sol e a Luz abrasam, me seduzem, nunca concebo estes lugares e estes materiais numa perspectiva de absoluta ou inequívoca simetria, por muito que isso possa desagradar a muita gente.

10 comentários:

pinguim disse...

Só poderá desagradar a gente que vive a vida com "antolhos" (não estou certo que esteja correcto o termo).
Abraço.

rato do campo disse...

E quem não gostar, que ponha à borda do prato, que é o mesmo que eu por aí vou dizendo (e fazendo)!

Mikael disse...

Gostei das fotos, especialmente pela perspectiva.

Hydrargirum disse...

Que texto inspirado e intrincado em simbologia:))))

Gostei das fotos, particularmente a última.....:)

AG:)

Lilicat disse...

Confesso que gosto da simetria das coisas, mas não de perspectivas e vidas simétricas!

Já vi que tens uma visão assimétrica, criativa e poética das coisas. Gostei muito...

Fiquei a pensar cá para mim, anda alguém a fazer-te sombra? ahah

Beijinhos

Kapitão Kaus disse...

Car@s Amig@s,

Obrigado pelas vossas sempre gentis e cordiais palavras:)

Amigo Pinguim: estou totalmente de acordo contigo. Abraço!

Amigo Rato: é isso mesmo que eu faço. Abraço!

Caro Mikael: sempre fui assim. Gosto da novidade. Detesto os lugares-comuns. Abraço!

My Hydra-Friend: tens toda a razão! Os símbolos e as metáforas são uma das minhas paixões.
AG:)

Dear lilicat: procuro adoptar sempre uma visão criativa do real. Sombras, todos fazemos, ainda que involuntariamente... basta existirmos. Beijinhos:)

Kapitão

mik@ disse...

ola kapitão :)))
as fotos são lindas... mas nao dizes onde foram tiradas... xanifff
beijinho e boa semana

Anita :) disse...

hey u:)))

fotos lindas:)))gostei bastante:))

beijinhogrande e uma semaninha repleta de coisas boas para TI:)

Rodela disse...

Pensei que ías dizer o(s) local(ais) onde as fotos foram tiradas...
Fiquei sem saber onde posso encontrar perspectivas diferentes daquelas vistas por ti.

Kapitão Kaus disse...

Car@s Amig@s,

Estas fotos são de alguns lugares da nossa terra: Vila Real, Tamengos e Braga.
Recuperam momentos temporalmente diferentes de uma mesma viagem: um percurso de descoberta ou de redescoberta, guiado por alguém que ora sabia aonde iria ora não conduzia ao local pré-definido. Mas foi precisamente essa aventura do trilhar de novas veredas, não constantes de um mapa pré-determinado, que constitui uma revelação inspiradora.

Uma boa semana de trabalho para tod@s:)