Ocorreu um erro neste dispositivo

7.9.08

Quotidianos II

Domingo. Acordar tarde. Um sol quentinho, luminoso, oferecido por quem tem o dom de transformar os meus dias de chuva em dias de luz.
Ouvir e reflectir, na casa que é de todos, que devemos amar os outros como a nós mesmos. Com sinceridade, com entrega, com dedicação. Não ouvi, mas acrescento: com paixão.
Almoçar um excelente bacalhau assado na brasa, num restaurante da cidade de Barcelos. Hummm, d-e-l-i-c-i-o-s-o! Recomendável! Quando vieres por estes lados, tens que o experimentar!
Passeio pelo centro da cidade. Reflexão sobre o modo como o povo entende(u) a justiça feita pelos detentores do poder: foi preciso um galo morto levantar-se e cantar para evitar que um estrangeiro, rapidamente considerado culpado de um delito grave, fosse enforcado. De facto, a lenda do galo de Barcelos dá que pensar. Claro que é uma lenda. Um mito. Uma história. Mas muitíssimo interessante, sob vários aspectos: as relações de poder e de domínio; o olhar dos que são considerados estrangeiros ou não membros da comunidade; a forma como eles são tratados; o papel e o lugar do juiz; os papéis do povo, i. é, dos não detentores do poder, etc, etc.
Leitura. Descanso. Trabalho.

8 comentários:

pinguim disse...

Ambos almoçámos bacalhau, mas fiquei a perder e bem; pois dada a excelência do teu, acrescentou-se a mediocridade do meu: seco, salgado, intragável, e não me assaco culpas de cozinha, pois já o fiz antes e ficou bem...és um felizardo, eh eh eh.
Abraço.

João disse...

Bacalhau assado....hummm!!!!
Que saudades.
Novo look no blog? Muito bem :)
Em relação à outra problemática, a justiça é cada vez menos justa. Não há galo que nos valha.

Norberto disse...

Não consigo deixar de pensar que, no momento, não existe coisa mais fashion que o Galo de Barcelos. Antes este do que estar a levar com "grandes galos"

Kapitão Kaus disse...

Pinguim:)
Pois olha que me soube mesmo bem. Mas também é verdade que, por estes lados, se cozinha muito bem e há cada prato delicioso com bacalhau:)
Abraço:)

Kapitão Kaus disse...

João:)
Quando deres um pulo cá acima, já sabes:) É só avisares com antecedência, para que eu possa planificar o meu trabalho. E olha que se come mesmo muito bem:)

Quanto ao look do blog acho que estava a precisar de lhe dar um ar mais arejado. Já estava cansado. E, como o estilo dos posts se alterou um bocadinho, pareceu-me ser uma boa ocasião.

Pois, quanto ao estado da justiça, bem, eu não comento.

Abraço:)
Estou ansioso por conhecer essas aventuras pelo oriente:)))

Kapitão Kaus disse...

Norberto:)

LOL
Gostei:)
Abraço:)

Paulo disse...

adoro bacalhau, adoro passear, adoro descobrir coisas, mas que seja longe dessas relações de poder e domínio...

abraços

Kapitão Kaus disse...

Paulo:)
Se adoras bacalhau e adoras passear, tens que vir até Barcelos. Liga-me e combinamos as coisas:)
Abraço:)