Ocorreu um erro neste dispositivo

11.5.08

Série Lisboa

A Poesia pode ser encontrada no real quotidiano, como dizia o Cesariny. Basta que o nosso olhar assim o queira.

Apresento aqui dois estudos de uma série que homenageia a grande cidade e os homens que nela habitam.

Praça do Saldanha, 2008

Da minha janela, 2008

3 comentários:

Hydrargirum disse...

Olha que o 1ro, bem ampliado, numa parede branca, numa sala chiquissima, ficava um mimo:)

AG:)

Kapitão Kaus disse...

Hydra-Friend: claro que ficava! E se fosse um óleo em tela, com assinatura, aí sim, seria o máximo!

Quando estiver mais desocupado - entenda-se, quando me libertar dos compromissos profissionais que me ancoram, actualmente, a 1001 solicitações e responsabilidades - , vou olhar e partilhar o mundo com outras formas de estar:)

AG:)
KKF

Anita :) disse...

fantástico;))
Beijinho grande Kapitão e, um excelente fds;)***