Ocorreu um erro neste dispositivo

18.8.08

Leituras em férias

Margherita OGGERO (2008) La Colega Tatuada. Barcelona: Roca Editorial de Libros. ISBN: 978-84-92429-33-2
"En un mundo desquiciado, de relaciones explosivas y cotilleos gratuitos, los perros - y, en menor medida, los gatos - constituyen un reconfortante valor seguro. Los perros pueden tener pulgas, pero no te buscan las cosquillas diciéndote que si las suyas son más grandes y hermosas que las tuyas: se rascan y basta. Los perros te reciben meneando el rabo aunque pases de lo políticamente correcto, la autoayuda te parezca una capullada o aunque te niegues a mezclarte con los que llaman a los bedeles funcionarios escolares, a los celadores funcionarios de prisiones, a los hospitales instalaciones sanitarias, etcétera. Los perros no hablan, no escriben, no conceden entrevistas a la televisión - de momento - y por eso mismo son un valor seguro." (p.14).
Esta é uma curiosa e agradável leitura para este mês de Agosto, que recomendo vivamente.
Para além das considerações sempre pertinentes e aguçadas sobre o mundo, os homens, as mulheres e as relações humanas em geral, esta obra, muito ao estilo policial, diverte e educa, como diriam os antigos. Basicamente trata-se da história de uma professora de literatura, na casa dos 40 anos, que decide investigar, por sua conta e risco, o assassinato de uma colega de profissão. E a sua investigação levá-la-á a reequacionar a sua relação matrimonial e o seu modo de ver e de olhar o mundo. 
A não perder!

2 comentários:

Maria disse...

> E a sua investigação levá-la-á a reequacionar a sua relação matrimonial e o seu modo de ver e de olhar o mundo.

Moral da história: ao passar pelos 40, vá ao oftalmologista e eevite investigações ;)


Abraços de Verão
Maria

Kapitão Kaus disse...

Obrigado Maria:)

Acho que tens toda a razão:)
Jinhos